Domingo, 29 de Agosto de 2004

pequenos fragmentos, 6.

Domingo parece ter adquirido novamente o estatuto de dia chato e aborrecido. Televisão, música com fartura e um livro. Um livro pequeno, mas bom. De linguagem fácil, uma história sobre alguém que não o era. Uma história de um companheiro de toda a vida. «Veio antes de a minha filha nascer. Mas não teve ciúmes dela, recebeu-a como um membro da família. Porque era assim que ele se sentia, membro da família, cão como nós. Se para ele a minha mulher era mãe, os filhos eram irmãos. Valha a verdade que era assim que os rapazes o viam: como um irmão. Muito mais tarde quando o Kurika teve o primeiro ataque, Afonso, o filho do meio, com ele ao colo, dir-me-ia:
- É um irmão.» Cão como nós - Manuel Alegre (D. Quixote)

Postado por rodry às 20:52
Link do post | Adicionar aos favoritos
|
Quarta-feira, 25 de Agosto de 2004

Home, sweet home!

É óptimo viajar...adoro tudo o que isso envolve, desde a organização das tralhas a levar, até á descoberta de novos sítios, novas cores e sabores, pessoas especiais que não imaginávamos que pudessem existir, sensações nunca antes experimentadas, novas situações vividas...tudo isso é o que guardo dumas férias bem passadas. No entanto, sinto-me dividida entre essas boas sensações e a de voltar a casa, de vir para um sítio que conhecemos como a palma das mãos e onde nos sentimos sempre bem...é bom estar de volta...!

Postado por rodry às 19:33
Link do post | Adicionar aos favoritos
|
Domingo, 22 de Agosto de 2004

titulo de notícia tendencioso.

A actual edição do jornal Expresso tem como tema de capa um dos títulos mais anormais que há memória. O termo comparativo entre os acidentes rodoviários em Portugal e as baixas de guerra no Iraque. Se até aqui o título e a comparação já eram quase absurdos, a notícia em si é do pior. O número de baixas contabilizado em guerra só diz respeito a forças da coligação (EUA). Este termo comparativo é algo tendencioso e absurdo. Numa guerra na qual padecem em maior número as facções inimigas. Creio no entanto que teremos todos a noção que a sinistralidade em Portugal é das mais elevadas da Europa e que a tendência terá de ser rapidamente invertida. Mas notícias deste género não são grande ajuda. Ou falamos do Iraque e do número de baixas ambos os lados em combate, ou então falamos em algo que tem de mudar na sinistralidade rodoviária nacional e que andar nas estradas portuguesas é como jogar constantemente roleta russa (com mais do que uma munição na camara).
Como a edição digital do Expresso é paga a solução é ler excerto da notícia aqui.

Postado por rodry às 11:09
Link do post | Adicionar aos favoritos
|
Sábado, 21 de Agosto de 2004

confissão.

O ardiloso confessa que esta tarde num hipermercado enquanto dava uma vista de olhos pela secção literária "colocou" dentro do livro que trouxe do Manuel Alegre – Cão Como Nós (Dom Quixote) um pequeno separador de um outro livro que tinha uma capa interessante. Joana Cabral – Nómada (Oficina do Livro). Teve receio do livro ser mau, e como adorou a capa, optou por "desviar" o separador. Shame on you.

Postado por rodry às 20:18
Link do post | Adicionar aos favoritos
|
Sexta-feira, 20 de Agosto de 2004

bah, saudades de coisas banais.

Que assolo de saudades de brigas conjugais. Não bem das brigas em si. Mas das pazes. O processo de fazer as pazes é do mais encantador que pode existir num casal. Dedicado ao C. e há V. Força com isso.

Postado por rodry às 02:39
Link do post | Adicionar aos favoritos
|
Quarta-feira, 18 de Agosto de 2004

acabei de ver o Shane MacGowan na rua.

[Error: Irreparable invalid markup ('<p=align>') in entry. Owner must fix manually. Raw contents below.]

<P=align justify>Venho mesmo agora da rua e juro, juro mesmo que acabei de ver o Shane MacGowan numa bicicleta de montanha. Era tal e qual, mas mais novo é claro. Mas aquela figurinha estava lá, até o típico casaco preto estava lá e um brinquinho. Também não tinha dentes, de outra forma não seria o Shane MacGowan. E isto lembra-me os meus seis ou sete anos. Quando comecei a ficar sem a dentição de leite, a minha tia X., virou-se para mim e disse-me «Assim porquinho da rua e sem esses dentes à frente estás tal e qual o Shane MacGowan!» e riu algo loucamente. Alguns meses mais tarde ofereceu-me o meu primeiro grande disco; <B>The Pogues</B> - Rum Sodomy & Lash.
«McCormack and Richard Tauber are singing by the bed/ There's a glass of punch below your feet and an angel at your head/ There's devils on each side of you with bottles in their hands/ You need one more drop of poison and you'll dream of foreign lands/ When you pissed yourself in Frankfurt and got sick down in Cologne/ And you heard the rattling death trains as you lay there all alone/ Frank Ryan brought you whiskey in a brothel in Madrid/ And you decked some fucking blackshirt who was cursing all the Yids/ At the sick bed of Cuchulainn we'll kneel and say a prayer/ And the ghosts are rattling at the door and the devil's in the chair [...]»</P>
Postado por rodry às 00:33
Link do post | Adicionar aos favoritos
|
Terça-feira, 17 de Agosto de 2004

a frequência com que se posta.

[Error: Irreparable invalid markup ('<p=align>') in entry. Owner must fix manually. Raw contents below.]

<P=align justify>Poderia escrever uma qualquer desculpa para justificar a minha falta de "posts". Do tipo daquela de que estou fora, ou que tenho andado sem tempo para aceder ao pc. Mas seria mentira, pois se andarem minimamente atentos sabem que tenho habitado o mundo cibernético. Ora no meu outro "<A href="http://www.guronsan.blogspot.com/" target="_blank">projecto</A>", ora em <A href="http://www.forumsons.com" target="_blank">news</A>-<A href="http://www.urban75.net" target="_blank">groups</A>. Penso que para podermos escrever temos de ter sempre um qualquer suporte e neste momento ando algo desencontrado com o meu. Para já limito-me a explorar novas coisas, a receber o máximo de informação. Poderei estar a recarregar-me. Agrada-me mais, neste momento, adquirir e partilhar conhecimentos com outras pessoas do que estar de alguma forma a transcrever uma certa vivência. Poderei ter perdido o rumo do que havia primeiramente estipulado para o ardiloso. Espero voltar em breve.</P>
Postado por rodry às 20:46
Link do post | Adicionar aos favoritos
|
Domingo, 15 de Agosto de 2004

Troca Tintas.

Fui ao mar colher cordões,
vim do mar cordões colhi!
O Bode me foge no meio da palha,
no meio da palha o bode me foge!

Postado por rodry às 16:51
Link do post | Adicionar aos favoritos
|
Sábado, 7 de Agosto de 2004

minas

sudoeste mas tou nas minas!
Postado por rodry às 03:43
Link do post | Adicionar aos favoritos
|
Sexta-feira, 6 de Agosto de 2004

e a manhã torna-se eclética, 32.

I'm feeling like the ice cube in your glass melting away/ I could close my eyes and go to sleep right here in the ashtray/ does anybody ever got what they want/ what do you mean when you talk about love, love [...]
E o tempo passa tão bem com os Clem Snide e o seu Ice Cube.

Postado por rodry às 00:19
Link do post | Adicionar aos favoritos
|
Terça-feira, 3 de Agosto de 2004

almoços de verão.

Durante o almoço de hoje conheci uma nova modalidade desportiva. O chamado lançamento do rissol para parte incerta (os puritanos que me perdoem). É que ando fartinho de comer a quase todas as refeições rissóis. Raios partam o prato oficial de verão cá de casa. Já agora, quem inventou essa do prato oficial, tamanha barbaridade.
«Hei, tu aí! Sabes por acaso quando termina o verão?»

Postado por rodry às 18:27
Link do post | Adicionar aos favoritos
|

na madrugada, 9.

Faz bastante tempo que não tinha uma noite tão mal passada quanto a de hoje. Ou eram as dores musculares, ou a malfadada cafeína que não dava de si (esclareço desde já aos meus amigos que não beberei mais cafés após as 18h), ou aquela maldita melga que há dias me atormenta. Acho que a família toda coabita comigo. Mas a partir de hoje todas as noites serão tranquilas. Foram extenuantes noites pela madrugada dentro de suplícios, mas consegui finalmente com certo ardil tratar da saúde da melga que tanto me zunia ao ouvido. As noites de verão têm destas coisas.

Postado por rodry às 13:03
Link do post | Adicionar aos favoritos
|

Contrariedades.

Desenho pessoas, fotografo coisas. Nos desenhos procuro expressões características dos modelos; noutras, como o David Doubilet, procuro mostrar coisas nunca antes vistas ou uma perspectiva diferente das coisas que já todos viram.

Postado por rodry às 03:39
Link do post | Adicionar aos favoritos
|
Segunda-feira, 2 de Agosto de 2004

pequenos fragmentos, 5.

«Acha então que esta conversa é real?»
«A conversa, certamente, as circunstâncias é que carecem de substância. Há verdade, ainda que não haja verosimilhança, em tudo o que o homem sonha. Uma goiabeira em flor, por exemplo, perdida algures entre páginas de um bom romance, pode alegrar com o seu perfume fictício vários salões concretos.»
José Eduardo Agualusa - O vendedor de passados (Publicações D. Quixote).

Postado por rodry às 23:33
Link do post | Adicionar aos favoritos
|

Na varanda, às 03h00.

Os pensamentos divagam por pessoas, vivências do dia, filosofias baratas, etc. Mas na maioria das vezes, fico-me apenas pela imaginação, divirtindo-me a criar situações ou pensar como seria se estivesse ali determinada pessoa: de que falaríamos? estaríamos calados? E, sem que essas próprias pessoas o saibam, estive um bocadinho com elas. Mesmo que com algumas dessas pessoas isso não fosse já possível.
Nesses minutos, só meus, gosto de fechar os olhos e deixar o silêncio envolver-me. Gosto da violência que o mais silencioso dos ruídos tem no meio daquele silêncio tão profundo. Gosto da luz difusa dos candeeiros e das sombras pouco nítidas por ela criadas.
Nesses momentos, sinto-me livre e confortavelmente só.
Postado por rodry às 00:52
Link do post | Adicionar aos favoritos
|

.Awards

.Pesquisar por aqui

 

.Julho 2017

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
26
27
28
29
30
31

.Postas recentes

. sem titulo que também fic...

. sonhos.

. pequenos fragmentos, 41.

. pequenos fragmentos, 40.

. pequenos fragmentos, 39.

. pequenos fragmentos, 38.

. pequenos fragmentos, 37.

. pequenos fragmentos, 36.

. o estatuto estrela,

. uma colorida animação por...

.O Mundo

  • Um Pouco Mouco
  • Abrupto
  • anårca constipadö
  • A Barriga de Um Arquitecto
  • A Blasfémia
  • A Ervilha Cor de Rosa
  • A Natureza do Mal
  • A Origem das Espécies
  • A Sexta Coluna
  • Beco das Imagens
  • Big Black Boat
  • Bomba Inteligente
  • Causa-Nossa
  • CineBlog
  • Contra a Corente
  • Comprometido Espectador
  • Essas Cores
  • Gorrila Vs. Bear
  • Grandes Sons
  • Guronsan
  • Heptahedron
  • Homem a Dias
  • Klepsýdra
  • Marretas
  • MOKB
  • Nova Frente
  • OMBDU
  • Pimenta Negra
  • Post Secret
  • Roda Livre
  • Sapo Blogs
  • Sound + Vision
  • Still Kissin'
  • Três Pastelinhos
  • Voz do Deserto
  • .O Mundo Encalhado

  • Aviz
  • Babugem
  • Barnabé
  • French Kissin'
  • Opiniondesmaker
  • O Inimigo Musical
  • Ser Portugues (Ter Que)
  • .Informação

  • Acabra
  • Blitz
  • DN
  • Expresso
  • JN
  • Público
  • .Biblioteca

    . Julho 2017

    . Fevereiro 2014

    . Janeiro 2013

    . Julho 2012

    . Dezembro 2011

    . Novembro 2011

    . Outubro 2011

    . Setembro 2011

    . Agosto 2011

    . Julho 2011

    . Junho 2011

    . Maio 2011

    . Abril 2011

    . Março 2011

    . Fevereiro 2011

    . Janeiro 2011

    . Dezembro 2010

    . Outubro 2010

    . Setembro 2010

    . Agosto 2010

    . Julho 2010

    . Junho 2010

    . Maio 2010

    . Abril 2010

    . Março 2010

    . Fevereiro 2010

    . Janeiro 2010

    . Dezembro 2009

    . Novembro 2009

    . Outubro 2009

    . Setembro 2009

    . Agosto 2009

    . Julho 2009

    . Junho 2009

    . Maio 2009

    . Abril 2009

    . Março 2009

    . Fevereiro 2009

    . Janeiro 2009

    . Novembro 2008

    . Outubro 2008

    . Setembro 2008

    . Agosto 2008

    . Julho 2008

    . Junho 2008

    . Maio 2008

    . Abril 2008

    . Março 2008

    . Fevereiro 2008

    . Janeiro 2008

    . Dezembro 2007

    . Novembro 2007

    . Outubro 2007

    . Setembro 2007

    . Agosto 2007

    . Julho 2007

    . Junho 2007

    . Maio 2007

    . Abril 2007

    . Março 2007

    . Fevereiro 2007

    . Dezembro 2006

    . Novembro 2006

    . Outubro 2006

    . Setembro 2006

    . Julho 2006

    . Junho 2006

    . Fevereiro 2006

    . Janeiro 2006

    . Outubro 2005

    . Setembro 2005

    . Agosto 2005

    . Maio 2005

    . Março 2005

    . Fevereiro 2005

    . Dezembro 2004

    . Novembro 2004

    . Outubro 2004

    . Setembro 2004

    . Agosto 2004

    . Julho 2004

    . Junho 2004

    . Maio 2004

    . Abril 2004

    . Março 2004

    . Fevereiro 2004

    . Janeiro 2004

    .Tags e grafitis

    . fragmentos

    . humor

    . instantâneos

    . interesses

    . melomania

    . palavras

    . por aí

    . por aqui

    . vidas

    . vimeo

    . you

    . youtube

    . todas as tags

    .Estatistica

    Add to Technorati Favorites
    Site Meter

    .Alojamento